Características, elementos e atividades do ambiente rural

3949
Basil Manning

O ambiente rural, A área rural ou paisagem rural é um espaço geográfico onde a maior quantidade de recursos naturais pode ser obtida de uma região. Em geral, possui baixo número de habitantes e as atividades econômicas ali desenvolvidas são adaptadas às características do meio ambiente..

Nesse ambiente, atividades como a coleta ou extração e transformação de matérias-primas são essenciais. O modo de vida dos seus habitantes está orientado para o trabalho da terra e dos recursos naturais, constituindo a principal fonte de trabalho.

O termo rural está ligado a tudo relacionado ao campo e às atividades nele desenvolvidas, como a agricultura e a pecuária. Esta é a principal diferença com o meio urbano, no qual a população costuma ser muito mais elevada e as atividades econômicas são orientadas para a indústria e o consumo de bens e serviços..

Índice do artigo

  • 1 recursos
    • 1.1 Consiste principalmente em recursos naturais
    • 1.2 Baixa densidade populacional
    • 1.3 O setor primário domina a atividade econômica
    • 1.4 A paisagem é a base da relação entre o homem e o meio ambiente
    • 1.5 A agricultura e a pecuária são geralmente atividades familiares
    • 1.6 As porções do terreno são grandes
    • 1.7 Menor porcentagem de poluição ambiental
    • 1.8 A população permanece na área por muito tempo
    • 1.9 A lei protege as áreas rurais
    • 1.10 A vida tem um custo menor
  • 2 elementos
    • 2.1 Pastoreio
    • 2.2 Gado
    • 2.3 Cultivo
    • 2.4 Espaço periurbano
  • 3 Atividades realizadas em áreas rurais
    • 3.1 Agricultura e pecuária
    • 3.2 Florestal
    • 3.3 Conservação de espaços naturais e ecossistemas
    • 3.4 Extração de recursos minerais e derivados de petróleo
    • 3.5 Indústria
    • 3.6 Turismo rural ou ecoturismo
  • 4 referências

Caracteristicas

Existem muitos elementos comuns do ambiente rural, que são compartilhados até mesmo em países muito diferentes. O campo varia dependendo do clima e da vegetação, mas suas populações e atividades econômicas são semelhantes.

Consiste principalmente em recursos naturais

Os atributos que conferem a esta paisagem o seu carácter rural são, em grande parte, a flora, a fauna e a vegetação que contém. Esses elementos são geralmente encontrados em maior número nas áreas rurais do que nas áreas urbanas..

Outra peculiaridade das paisagens rurais é a presença comum de recursos minerais como ouro, zinco, petróleo, prata, entre outros. No entanto, a descoberta desses elementos costuma causar o crescimento industrial e populacional da área onde são encontrados..

Baixa densidade populacional

Um dos padrões que caracterizam uma população rural é que geralmente não chega a 2.000 habitantes. No entanto, esse valor pode variar de acordo com a legislação de cada país..

Outro fator a ser levado em consideração é que podem haver áreas rurais nucleadas e dispersas. No primeiro caso, essas áreas por quilômetro quadrado têm cerca de 60 habitantes; por outro lado, no segundo caso, o número de pessoas por quilômetro quadrado é igual ou inferior a 30.

O setor primário domina a atividade econômica

A agricultura e a pecuária são as atividades mais comuns nestes espaços. Isso ocorre porque a paisagem é principalmente natural.

A situação oferece uma oportunidade para os processos de pecuária, cultivo e colheita serem responsáveis ​​pela maior porcentagem de trabalho..

A paisagem é a base da relação entre o homem e o meio ambiente

Os habitantes das zonas rurais tendem a ter laços mais fortes entre si, identificando-se com o meio ambiente e desenvolvendo um sentido de pertença a ele..

Isso se reflete nos diferentes aspectos do dia a dia, aplicado no âmbito social, cultural, político, religioso e econômico..

Agricultura e pecuária costumam ser atividades familiares

Muitas das famílias pertencentes ao meio rural dependem, direta ou indiretamente, dos recursos naturais existentes no espaço em que vivem..

Dado que as atividades industriais são geralmente de baixo desempenho e os meios utilizados tendem a ser mais rudimentares, é comum verificar que os trabalhadores geralmente são eles próprios membros da família, em vez de contratar funcionários externos..

Lotes de terreno são grandes

Quando os habitantes estão dispersos no terreno, geralmente existem distâncias consideráveis ​​entre as casas.

Acontece também que a área residencial se distancia do centro da cidade. Neste existem alguns pequenos estabelecimentos comerciais.

Menor porcentagem de poluição ambiental

Geralmente, a infraestrutura de serviços é muito básica, obrigando os moradores a se deslocarem para centros mais populosos para acessar determinados serviços.

Da mesma forma, o sistema de transporte muitas vezes é insuficiente. Isso geralmente ajuda a manter os níveis de poluição mais baixos, já que não há tanta poluição e dióxido de carbono emanando dos automóveis e das indústrias..

A população permanece na área por muito tempo

O movimento populacional é pouco frequente, pois os moradores permanecem por muito tempo em suas residências. Um fator que favorece essa decisão é o fato de, em muitos casos, a casa ser o espaço de trabalho.

Nessas áreas, além das atividades de campo, também são desenvolvidas atividades administrativas em pequenas e médias empresas..

A lei protege áreas rurais

Às vezes, um ambiente rural pode ser protegido pela legislação de um país se contiver elementos de importância natural ou histórica. Esta medida constitui um grande benefício para regular a forma de aproveitamento dos recursos da área..

Da mesma forma, os elementos sob proteção legal podem ser geográficos (parques nacionais ou monumentos naturais), econômicos (áreas turísticas ou depósitos minerais) ou culturais (grupos étnicos indígenas ou patrimônio histórico).

A vida tem um custo menor

Devido à menor demanda por bens e serviços, bem como propriedades, os custos dos produtos são frequentemente mais baixos do que seriam em áreas urbanas.

Elementos

As paisagens rurais ou agrárias são compostas por diferentes elementos, todos relacionados com as atividades realizadas nos diferentes espaços..

Pastando

Inclui os prados e os terrenos disponíveis para atividades pecuárias, independentemente do tipo de gado utilizado.

Gado

É o conjunto de animais que o homem cria para depois obter carne e outros derivados. Por sua vez, o gado pode ser de vários tipos, dependendo dos animais que o compõem:

-Gado ou gado: vacas, touros, bois.

-Cabra: cabras.

-Ovelha: ovelha.

-Porcos: porcos.

-Equino: cavalos e éguas.

Outros tipos de animais também são criados nesses ambientes, como:

- Aves: aves.

- Aquicultura: peixes.

- Apicultura: abelhas.

Cultura

Refere-se às terras dedicadas ao cultivo, semeadura e colheita de produtos de origem vegetal. Podem ser alimentícios ou industriais, dependendo do uso que for dado posteriormente.

Comida

Inclui cereais como milho, arroz, trigo e aveia; tubérculos e leguminosas, sementes oleaginosas e plantas de açúcar, entre muitos outros.

Industrial

Plantas que servem de matéria-prima para produtos têxteis, como algodão ou linho, ou para a indústria do fumo.

Espaço periurbano

É a área em que se combinam as atividades das paisagens rurais e as das áreas urbanas. Este território não faz propriamente parte da área urbana, mas também não é considerado uma área rural. Portanto, suas características podem ser misturadas.

Atividades realizadas em áreas rurais

Em geral, as áreas rurais oferecem uma grande quantidade de terras e recursos que podem ser explorados de várias maneiras.

Não se trata apenas de realizar as atividades agrícolas e pecuárias tradicionais. Hoje, o desenvolvimento tem levado ao planejamento de diferentes usos produtivos para o meio rural.

Agricultura e Pecuária

As atividades agrícolas são o principal motor do meio rural. Representando o aspecto tradicional, desenvolvem-se em suas diferentes variações, dependendo de fatores como clima, tipo de terreno e necessidades da população..

Silvicultura

É uma atividade ligada à agricultura, com a diferença que a silvicultura tem como foco as florestas. Esta ciência é responsável pelo cultivo e cuidado das plantações florestais, para obter de forma contínua e sustentável os produtos exigidos pela sociedade..

Conservação de espaços naturais e ecossistemas

Os parques nacionais e os monumentos naturais são protegidos por lei, pois albergam uma grande quantidade de fauna, flora e vegetação típicas de determinadas regiões ou ecossistemas, nomeadamente formações geográficas particulares consoante o espaço onde se encontram..

Motivados por essa existência, são comuns os grupos conservacionistas nessas áreas específicas, bem como a presença de autoridades públicas responsáveis ​​pela sua gestão..

Extração de recursos minerais e derivados de petróleo

A mineração também ocorre principalmente em paisagens rurais, amplas e ricas em matérias-primas minerais. Isso é essencial para produzir em grande quantidade os produtos que usamos no dia a dia em todos os setores da economia..

Indústria

Na maioria dos casos, a construção de fábricas e áreas industriais requer muito espaço. Por este motivo, as áreas rurais são o terreno preferido para estabelecer essas estruturas..

Turismo rural ou ecoturismo

Esta atividade ocorre exclusivamente em locais com pouca ou nenhuma modificação feita pelo homem. Seu objetivo é oferecer alternativas turísticas diferentes das convencionais e envolvendo mais pessoas com o ambiente em que as atividades acontecem..

Outra característica deste tipo de turismo é que normalmente gira em torno da cultura, história ou património natural da região que é visitada..

Em termos gerais, as áreas rurais contêm grandes recursos naturais, mesmo que não representem um ganho econômico para a indústria.

Atividades como as descritas acima são apenas as principais que podem ser realizadas em maior ou menor grau em paisagens subdesenvolvidas..

Sem dúvida, a engenhosidade sempre pode gerar outras formas de aproveitamento desses recursos, seja em benefício privado ou coletivo..

Referências

  1. Cox, M., Villamayor S. [et al.]. (2016). Sintetizando teorias de gestão e governança de recursos naturais. Mudança Ambiental Global, 39, 45-56. Recuperado de sciencedirect.com.
  2. Horel, S. e Sharkey, J. (2008). A privação socioeconômica do bairro e a composição minoritária estão associadas a um melhor acesso espacial potencial ao ambiente alimentar baseado na verdade em uma grande área rural. The Journal of Nutrition. 138 (3), 620-627. Recuperado de Acadêmico.oup.com.
  3. López-Guzmán, T. e Sánchez, S. (2009). Desenvolvimento socioeconômico de áreas rurais com base no turismo comunitário. Um estudo de caso na Nicarágua. Cadernos de desenvolvimento rural6(62), 81-97. Recuperado de scielo.org.co.
  4. Moyano, E. (s / f). Capital Social e Desenvolvimento em Áreas Rurais. Instituto de Estudos Sociais da Andaluzia (IESA-CSIC). Documentos de trabalho 0513. Recuperado de digital.csic.es.
  5. Román, M. (1980). Elementos para a caracterização de áreas rurais. Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO). Escritório Regional de Educação para a América Latina e o Caribe: Santiago do Chile, Chile. Recuperado de unesdoc.unesco.org.

Ainda sem comentários